Período que proíbe o cultivo da soja no Paraná começa no dia 10 de junho

Período que proíbe o cultivo da soja no Paraná começa no dia 10 de junho

04 de junho, 2020

A partir do dia 10 de junho os produtores paranaenses não vão mais poder cultivar, manter ou permitir a presença de plantas vivas de soja em qualquer estágio vegetativo. A medida chamada de “vazio sanitário da soja” vai até o dia 10 de setembro.

O objetivo da portaria da Adapar, a agência de defesa agropecuária do Paraná, é garantir o controle da ferrugem asiática, a principal praga que atinge a cultura de soja. A medida da Adapar atende ao protocolo do Ministério da Agricultura. A mesma portaria, publicada hoje em Diário Oficial, também fixa a data de 15 de maio como prazo final para a colheita e interrupção do ciclo da soja.

O Paraná é um dos principais produtores de soja do Brasil. De acordo com os dados da Secretaria de Estado da Agricultura, a safra paranaense de 2019/2020 rendeu mais de 20 toneladas de grãos em 5 milhões e 500 mil hectares de área produzida. Ainda segundo a secretaria estadual, se o protocolo do vazio sanitário não for seguido, cerca de 75% do cultivo da soja pode ser prejudicado por causa da praga.

Fonte: BandNews Foto: José Gomercindo/ANPr

 

Comente pelo Facebook

Proluv
Top